De volta!

7 12 2011

Não, não vou esperar por 2012 por finalmente voltar a este cantinho…

A verdade é que os últimos meses presenciaram mais uma mudança na minha vida: desta vez mais um novo destino, um novo país, um novo projecto.

Mas, ao contrário de todas as outras mudanças, esta não foi e ainda não é uma mudança desejada ou planeada por mim.

Ser cientista é mesmo assim, bem o sei. São bolsas atrás de bolsas, todas com um inerente fim datado. Normalmente, ça va, como dizem os franceses. Mas desta vez, pas ça va para mim… Foram só 18 meses num lugar estimulante. Tanto cientificamente, como pessoalmente e culturalmente. A minha vida estava perfeita. E aprendia mais a cada dia. Principalmente a nível científico: cada seminário me fazia repensar os dogmas aprendidos na universidade, ouvi resultados tão frescos como chocantes, como o DNA provavelmente não ser formado por duas cadeias entrelaçadas mas sim quatro… Ciência de ponta era feita todos os dias, lentamente como este tipo de investigação fundamental é, mas notava-se o avanço, principalmente o avanço de mentalidades que ajudam a formular questões mais acertadas mas que antes eram impensáveis. Mas, a bolsa acabou e com ela a minha vida em crescimento que tão bem me sabia após um penoso doutoramento. Poderia ter havido uma continuação, uma nova bolsa, mas esse doutoramento penoso não me permite avançar mais, a minha orientadora de PhD continua a manter todo o meu trabalho numa gaveta por não precisar dele…

Mas voltando à mudança, pois foi em Julho que a proposta surgiu, em Agosto concretizou-se e lá disse que sim. Afinal, neste tempo de crise quem pode dizer que não a uma oferta de emprego? Lá engolei em seco, calei o meu coração e decidi que a Belgica seria o meu novo destino.

Entretanto veio a India, uma viagem à parte, experência unica sobre a qual tentarei deixar aqui um testemunho. E depois da India, a mudança, o caos de novo na minha vida.

Cheguei a Liege ha 1 mes. Chorei no caminho a deixar Paris, chorei ao chegar de desespero por ver o meu sitio novo… Muito me tem penado neste mês e basicamente anseio como louca por me sentir mais confortável num sítio que nada tem a ver comigo… Trabalho com pessoas que consideram uma viagem a Bruxelas como algo so fazivel uma vez por ano (é menos de 1 hora de carro…). A Terra para eles tem o mesmo tamanho que o Universo tem para mim. E os cheques já começaram a acontecer embora eu esteja a tentar manter-me aberta, mesmo que isso implique estar aberta a pessoas muito, muito fechadas…

Entretanto, busco desesperadamente por estrangeiros por aqui caidos. Ja contactei alguns, espero respostas… Sei que é apenas um mês, mas este é o tipo de sítios em que é fundamental um circulo de amigos, já que a cidade ou a rotina diária não chegam.

Hoje, por exemplo, há greve geral em solidariedade para com trabalhadores de metalurgicas que vão fechar. A maior economia/centro de emprego da cidade. Claro que compreendo e aceito. Agora, o que não entendo é como não são assegurados os services minimos de transportes publicos. Zero autocarros. Zero. E eu trabalho num hospital! Nada! Conclusão: também tive de fazer greve e ficar em casa… Nem no país das greves (França) isto acontecia!

Bem, pelo menos já fiz e encomendei os presentes de Natal. Motivou-me um pouco, principalmente porque daqui a 2 semanas já estou com quem me quer bem, no país mais espectacular de todos por onde passei: Portugal!

Anúncios

Acções

Information

2 responses

13 12 2011
onisa

Olá Nómada, já leio o seu blog há algum tempo. E agora que fala na Bélgica resolvi deixar um comentário. Uma amiga minha vai morar para a Bélgica (penso que Bruxelas) em Janeiro. Como é mais ou menos óbvio também ainda não conhece ninguém está um bocadinho apreensiva. Se quiser posso partilhar os contactos. Sempre é mais fácil ter com quem conversar.

13 12 2011
Nomad soul

Claro que sim! Eu nao estou em Bruxelas mas posso sempre ir la tomar um cafe num fim de semana (fica apenas a 40min). Da-lhe o meu mail e ela que entre em contacto comigo. Ate para a ajudar na instalacao, a burocracia belga e’ a pior dos 5 paises onde vivi…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: